quarta-feira, 3 de outubro de 2007

Diversidades

“Só podemos crescer, quando entendermos as diversidades.” Foi mais ou menos essa frase que Itamar Aguiar, um dos fotógrafos com que trabalho, me disse hoje, logo que cheguei. Ele é formado em Jornalismo, com pós em Artes, costuma realizar algumas palestras e durante elas, tem o hábito de citar frases do tipo. De acordo com o dicionário Aurélio, diversidade é: 1. Diferença, dessemelhança, dissimilitude. 2. Divergência, contradição; oposição. 3. Caráter do que, por determinado aspecto, não se identifica com algum outro. 4. Multiplicidade de coisas diversas.
Pensei um pouco a respeito, as pessoas são diferentes, mas é nessa diversidade de caracteres, de feitios, de humanidades que todos podemos crescer. Da última vez que escrevi, chutei o balde com “os conselhos”; sem querer me contradizer: quando se está confusa os conselhos não ajudam, em meio a tantas opiniões que não se coincidem. Porém é bom estar aberta às idéias das pessoas, ouvir muito, ler muito. Nem tudo se tira proveito, mas pode-se aprender muitas coisas com as diversidades, que acabam acrescentando pontos positivos em nossas vidas.
Por isso adoro ler, livros de gêneros variados, jornais, revistas, blogs. Ouvir as histórias das pessoas, escutar todo tipo de música, conhecer filosofias de vida, descobrir novas ruas, novos bares, ter amigos de vários estilos, conhecer muitas tribos, múltiplos jeitos de ser e de pensar.
A diversidade é uma forma de enxergar a vida de uma maneira ampla. Temos o poder de peneirar só as informações que valem a pena e assim somá-las com nossas experiências, para se tornar cada vez melhor. Que é o que no fundo todos desejam, se aperfeiçoar.

Um comentário:

Artur Hideki disse...

É como disse anteriormente... não somos todos iguais. E essa é a beleza da nossa vida, a diversidade de culturas, pensamentos, formas, estilos e etc. Se fossemos todos iguais com certeza não haveria motivo para coexistirem tantos seres juntos. É como aquela velha frase: "- Eu morrerei e não verei tudo..."
Não acho que você "chutou o balde" no outro pensamento, apenas falou o que lhe veio a mente, pois, ouvir conselhos em demasia só nos trás mais incertezas.
Beijos e por favor SE CUIDA...
Até.